Saiba os indicadores de desempenho da sua incorporadora

Muito conhecidos quando falamos em internet, os Indicadores de Desempenho (KPIs) funcionam como métricas essenciais para verificar a performance de um negócio, empresa, estratégia ou ação. E no Setor da construção civil, os indicadores de desempenho pode melhorar e otimizar o seu projeto. Fique neste artigo e saiba o que é, como aplicar e quais resultados você poderá ter com eles.

O que são Indicadores de Desempenho (KPIs) na Construção Civil

indicadores de desempenho: imagem de duas pessoas de costas olhando para um papel com vários gráficos.

Conhecido por serem fundamentais para entendimento da projeção e andamento de algum negócio, os indicadores de desempenho também são usados no Setor da Construção Civil. 

Observar a avaliação de desempenho qualquer projeto é relevante para a todos que atuam na área. No Mercado Imobiliário, é através das KPIS que muitas profissionais, bem como os gestores compreendem o que pode e deve ser melhorado no projeto, assim como o que está indo bem, fazendo com que todos cheguem a um entendimento de como melhorar os processos, seja ele feito ou iniciado no canteiro de obras.  

Por que ter métricas é tão importante no Mercado Imobiliário? Isso deve acontecer porque são essas métricas que terão entendimento aos gestores e todos que atuam no projeto como tem sido a performance de uma determinada atividade ou ação.  

Logo, entender as variáveis dos Indicadores de Desempenho torna seu caminho mais certo e o processo mais centrado no que será necessário. Logo as construtoras e incorporadoras precisam compreendê-los para monitorar e usar os principais indicadores de desempenho para bons resultados em seus processos. 

Os índices de desempenho não só dão norte a operação da empresa, bem como auxiliam no estabelecer na necessidade de se estabelecer padrões de qualidade que são fundamentais para o negócio tenha uma boa competitividade e sucesso.  

Quais são os Indicadores de Desempenho no Setor da Construção Civil?

indicadores de desempenho: imagem de duas pessoa de costas olhando para um papel com um projeto de engenharia. Os dois estão usando EPIs.

Bom, agora que você viu que no Mercado Imobiliário os índices de desempenho podem ajudar melhorar e otimizar os processos, está na hora do Artigo te apresentar alguns dos principais KPIs utilizados por construtoras e incorporadoras. Vamos conhecer? 

  • Qualidade: Avalia se os materiais e serviços atendem aos padrões estabelecidos pela empresa e no projeto. 
  • Segurança: Garante que o ambiente de trabalho seja seguro e que acidentes não sejam frequentes, reduzindo gastos com recursos humanos e perdas de produtividade. 
  • Custo: Monitora os custos operacionais. 
  • Prazo: Acompanha se os prazos estão sendo cumpridos. 
  • Meio Ambiente: Considera aspectos ambientais relacionados à construção2. 

Aqui os indicadores de desempenho não só auxiliarão suas necessidades dentro da gestão, mas farão dela eficiente e com boas estratégias, que servirão como exemplo para que você possa analisar a concorrência, comparar sua produção e seguir ou remanejar o seu planejamento.  

Mas você deve estar se perguntando quais as informações adicionais que você precisa saber. E justamente por isso que eu te peço que continue lendo o meu artigo para compreender mais sobre Indicadores de Desempenho e alavancar a sua construtora ou incorporadora.  

A importância dos Indicadores de Desempenho

Devido a sua dinâmica dentro da Construção Civil, os indicadores de desempenho também se tornam fundamentais para as construtoras e incorporadoras por várias razões: 

  1. Avaliação de Performance: Os KPIs permitem que as construtoras avaliem seu desempenho em diferentes áreas, como qualidade, segurança, custo e prazo. Isso ajuda a identificar pontos fortes e áreas que precisam de melhoria. 
  1. Tomada de Decisão Estratégica: Com base nos indicadores, as construtoras podem tomar decisões estratégicas. Por exemplo, se o indicador de custo estiver acima do esperado, a empresa pode buscar maneiras de reduzir despesas. 
  1. Monitoramento Contínuo: Os KPIs permitem um monitoramento contínuo das operações. Isso ajuda a evitar problemas antes que se tornem grandes obstáculos. 
  1. Benchmarking: As construtoras podem comparar seus indicadores com os de outras empresas do setor. Isso ajuda a entender como estão se saindo em relação à concorrência. 
  1. Comunicação Interna e Externa: Os indicadores fornecem uma linguagem comum para comunicação interna entre equipes e também para comunicação com clientes e investidores. 

Por isso, a gente aqui defente que os indicadores de desempenho são ferramentas qualificadas e que darão segmento a sua gestão. Já imaginou quantos objetivos você poderá alcançar de forma eficiente e direta? Então, que tal um vídeo para ver na prática como esses KPIs (Key Performance Indicator) pode ajudar você: 

Se você chegou até aqui, que tal falarmos sobre como medir os indicadores de desempenho? Com certeza você deve ter pensado nisso e eu preciso te mostrar alguns fatores para auxiliar você e todos que fazem parte do seu negócio a buscar a medição. 

A medição de Indicadores de Desempenho (KPIs) em construtoras por mais que pareça ser desafiadora, além de complexidade, envolve uma variedade de variáveis do Setor da Construção Civil. Então, quais você precisa ficar atento:  

  • Planejamento do Sistema de Medição: Definir um sistema de medição de desempenho adequado é difícil. Isso ocorre porque a construção lida com projetos únicos, e a orientação para o projeto muitas vezes dificulta a padronização. 
  • Coleta e Processamento de Dados: A ausência de uma organização mínima para coletar e processar dados pode dificultar a medição eficaz dos KPIs. É importante ter sistemas eficientes para coletar informações relevantes. 
  • Decisões Intuitivas vs. Baseadas em Dados: Muitas vezes, as decisões na construção são tomadas com base na experiência e intuição, em vez de dados estruturados. Incorporar dados e ferramentas analíticas pode ser um desafio. 
  • Visão de Curto Prazo: Gerentes da construção podem ter uma visão de curto prazo, focando apenas nas necessidades imediatas. Os KPIs exigem uma visão mais ampla e estratégica. 
  • Volume de Dados e Variáveis: A construção lida diariamente com um extenso volume de dados e variáveis. Monitorar todos esses aspectos para avaliar o desempenho do negócio é um desafio constante. 

Apesar de não ser tão simples, a medição de KPIs é necessária, pois vai te ajudar a melhorar a eficiência, a qualidade e a competitividade do seu projeto. Por isso, eles devem ser bem visto e utilizados tanto por construtora, bem como por incorporadoras, pois vai dar visão para que as empresas identifiquem quais as suas áreas de melhoria e tomem decisões baseadas no que elas têm em mãos para obter bons resultados futuramente.  

Agora você já sabe o que são os Indicadores de Desempenho, quais são, como medir e usar a favor no seu negócio, saiba também que eles se agrupam da seguinte maneira, como mostro abaixo. O tema pode ser lido de forma mais ampla no trabalho de alunos do curso de Engenharia Civil da Universidade Federal de Goiás (UFG) de 2017.  

Indicadores de desempenho operacionais

    Os indicadores operacionais são métricas de curto prazo que estão relacionadas às operações de uma empresa. Eles abrangem diferentes setores e colaboradores, que devem se envolver para alcançar as metas do negócio. Esses indicadores permitem avaliar o desempenho individual e também são usados para identificar fontes de redução de despesas ou possíveis falhas nos processos. Alguns exemplos incluem: 

    • Número de peças produzidas por dia ou hora. 
    • Receita gerada por hora trabalhada. 
    • Tempo de inatividade do equipamento ou da mão de obra. 

    Indicadores de desempenho de qualidade

      Esses indicadores são usados para avaliar a qualidade das entregas. A ideia é identificar possíveis falhas nos processos, desvios e gargalos que possam levar a defeitos, retrabalhos ou produtos fora do padrão esperado. Isso é crucial para cumprir o planejamento orçamentário e o cronograma de cada projeto. Além disso, esses indicadores são essenciais para melhorar a qualidade das entregas, encontrando um equilíbrio entre qualidade, custos e investimentos. Aqui estão alguns exemplos: 

      • Eficiência: Refere-se à produtividade, ou seja, à quantidade de recursos necessários (materiais, humanos, financeiros etc.) para executar o projeto dentro dos padrões de qualidade esperados. 
      • Eficácia: Está relacionada ao sucesso na realização do projeto, incluindo o grau de satisfação dos clientes. 
      • Efetividade: Combina eficiência com eficácia, medindo se os objetivos traçados foram alcançados. Isso tem impacto direto na lucratividade do negócio. 
      • Atendimento: trata da relação direta com o consumidor no pós-venda, incluindo a capacidade de fidelização dos clientes. 

      Indicadores Estratégicos e o Planejamento de Longo Prazo 

        Os indicadores estratégicos estão intrinsecamente ligados ao planejamento estratégico de uma empresa. Eles oferecem uma visão de longo prazo, abrangendo a missão, os valores, a visão e os propósitos estabelecidos pela organização. Esses indicadores são essenciais para direcionar as ações e apontar para o futuro da empresa. 

        Para definir esses indicadores, é necessário considerar tanto a análise interna da empresa (metas, capital humano, capacidade de inovação etc.) quanto o cenário externo (concorrentes, mercado e situação macroeconômica). 

        Os indicadores estratégicos de desempenho têm um papel crucial na verificação do alcance dos objetivos estratégicos. Eles são avaliados por meio de ferramentas como a análise SWOT, o Balanced Scorecard e outras. A seguir, apresento alguns exemplos de indicadores estratégicos: 

        Imagem do lançamento imobiliário na prática
        • Grau de Satisfação dos Clientes: Mede o nível de satisfação dos clientes com os produtos ou serviços oferecidos pela empresa.
        • Retorno sobre o Investimento (ROI): Avalia a eficiência dos investimentos realizados, considerando os ganhos obtidos em relação aos custos. 
        • Market Share: Indica a participação da empresa no mercado em comparação com os concorrentes. 
        • Reconhecimento de Marca: Reflete o grau de conhecimento e confiança que os consumidores têm na marca. 
        • Faturamento e Lucratividade: Monitora o desempenho financeiro da empresa, incluindo a receita gerada e os lucros obtidos. 

        Indicadores de desempenho táticos 

          Os indicadores táticos desempenham um papel crucial na avaliação do progresso da empresa em relação às suas metas principais. Eles estão diretamente relacionados à conexão entre o plano de ação e o planejamento estratégico da organização. 

          Por exemplo, se uma empresa tem como objetivo a expansão para a região Norte do país a longo prazo, os indicadores táticos são fundamentais para definir as ações necessárias (e, consequentemente, o que deve ser monitorado) para alcançar esse objetivo. 

          Esses indicadores são baseados em métricas específicas que ajudam a determinar se as ações implementadas em cada setor estão contribuindo para o alcance dos objetivos macro do negócio. Enquanto os indicadores operacionais refletem uma visão de curto prazo e os indicadores estratégicos focam no futuro de longo prazo, os indicadores táticos estão relacionados às conquistas no médio prazo. 

          Aqui estão alguns exemplos de indicadores táticos de desempenho: 

          • Custo de Aquisição de Clientes (CAC): Avalia o investimento necessário para adquirir novos clientes. 
          • Taxa de Churn: Mede a taxa de perda de clientes ao longo do tempo. 
          • Ciclo de Vendas: Refere-se ao tempo necessário para converter um lead em cliente. 
          • Rotatividade de Funcionários: Avalia a saída e entrada de funcionários na empresa. 

          Aqui você pôde conhecer um pouco mais dos Indicadores de Desempenho e esperamos que seja útil tanto na sua construtora, bem como na sua incorporadora.  

          Foi interessante para você? Se sim, compartilhe com a sua rede e comente pontos que você gostaria de saber mais aqui no Blogo do CV. Até a próxima.   

           Você pode gostar também 

          Você já conhece o CV CRM?

          Este conteúdo gratuito é oferecido para você pelo CV CRM, o único CRM 5.0 do mercado imobiliário e o maior do Brasil. O CV é a plataforma que gerencia sua jornada comercial da pré-venda à pós-venda, transformando digitalmente as incorporadoras nacionais. Com 12 anos de experiência, mais de 900 incorporadoras clientes e 200 mil corretores de imóveis associados, o CV é líder de mercado e te entrega um panorama total da sua gestão comercial na tela do computador.        

          Saiba mais sobre o CRM oficial de 30 das 100 maiores construtoras do país: solicite uma demonstração.  

          Você também vai gostar de:

          Olá, cliente!

          Gostou do CV e quer descobrir mais sobre nossas possibilidades? Entre em contato com a gente via Chat ou WhatsApp e saiba como podemos te ajudar!

          WhatsApp

          Entre em contato pelo WhatsApp CV!

          Chat Online

          Entre em contato pelo Chat Online CV!

          Voltar

          Solicite Demonstração