Materiais Ecológicos: Como a ecologia impacta a construção civil?

Os materiais ecológicos são cada vez mais procurados para construções de empreendimentos que se baseiam na sustentabilidade.  

O mercado imobiliário vive um momento de altas taxas de busca por casas inteligentes e sustentáveis, portanto, é preciso utilizar produtos ecológicos e tecnológicos em projetos atualizados. As tendências projetam altas demandas para empreendimentos que sejam baseados na preservação do meio ambiente e reutilização de recursos.  

As formas de construir e apropriar-se de insumos se tornaram uma grande preocupação do consumidor, e as empresas que se utilizam de recursos ecológicos não são apenas diferenciadas, mas sim, alinham-se com as exigências e urgências dos clientes 

Esse artigo irá mostrar o quanto utilizar materiais ecológicos durante a construção de seus projetos irá manter a competitividade no mercado e agradar o seu público-alvo. Vem conhecer um pouco mais sobre a ecologia e o mercado imobiliário?

Imagem do Calendário Imobiliário 2024
Materiais Ecológicos: close nas mãos de uma pessoa segurando uma planta.

O que é ecologia?

A sociedade se empenhou durante décadas no progresso e desenvolvimento de novas tecnologias, mas não há progresso sem coletividade e nem uma comunidade sobrevive sem o meio ambiente. Mas, como conciliar a evolução tecnológica com a preservação do ecossistema? Através dos conhecimentos sobre ecologia e sustentabilidade. 

A ecologia é uma ciência que estuda interações entre os seres vivos e os ambientes em que habitam conjuntamente. Esse termo foi utilizado pela primeira vez em 1866, pelo biólogo Ernst Haeckel, mas, foi em 1972, durante a Conferência das Nações Unidas sobre Meio Ambiente Humano que esse termo foi popularizado e seriamente discutido.  

Essa ciência é complexa e imensa, porque busca estudar e compreender o funcionamento da natureza e sua evolução. Além disso, é preciso compreender como agrupamos membros dentro de uma comunidade natural sem que um afete o outro de forma negativa e irreparável. 

Em um ecossistema, é fundamental que o fluxo de energia e ciclo de materiais seja respeitado. E é por isso que a reutilização de matérias-primas e reciclagem se tornaram pauta, afinal, devemos cuidar do planeta para que as gerações futuras possam usufruir dos recursos naturais de formas mais conscientes e positivas tanto para a natureza quando para a humanidade. 

Ecologia x Sustentabilidade 

Com a sustentabilidade cada vez mais em alta, a busca por produtos que não atinjam a natureza e preservem o máximo do meio ambiente estão sendo adotados cada vez mais pelas construtoras e incorporadoras do mercado imobiliário

Qual seria a diferença entre o sustentável e o ecológico? A ecologia é o que desenvolve a sustentabilidade, por tanto, uma advém do conceito da outra. 

Na ecologia, estudasse a relação dos seres vivos em um determinado ambiente e os impactos que essas interações podem causar. Assim, a sustentabilidade é o gerenciamento das alterações humanas diante da natureza, de forma com que esses não findem os recursos naturais.  

A sustentabilidade é a preservação dos recursos e está diretamente ligada ao que a ecologia representa. Mas, o que isso ambas têm a ver com o mercado de construção civil

Uma construção impacta o meio ambiente de diversas formas, e por isso, o mercado utilizou seus recursos tecnológicos para disponibilizar materiais ecológicos que tornam as obras menos poluentes durante o processo de projeção até a sua entrega.  

Isso ocorre também, pelo fato de a busca de consumo estar cada vez mais ligada a empresas que fortalecem e aplicam a sustentabilidade e ecologia. Além disso, promovendo o desenvolvimento social baseado no respeito ao meio ambiente, as incorporadoras tendem a alinhar-se com o perfil do cliente 4.0. 

Como esse tipo de empreendimento se torna cada vez mais um investimento rentável para as pessoas e, consequentemente, para as incorporadoras que os constroem. Irei explicar detalhadamente como a ecologia e o mercado imobiliário tendem a se tornar uma parceria a longo prazo. 

Materiais Ecológicos: imagem de uma mesa vista de cima com um papel de planta de imóvel, em cima, o símbolo de reciclagem. Num dos lados um capacete, do outro uma planta de mesa e no centro uma lâmpada.

Como o conceito de ecologia se insere no setor imobiliário? 

Com o consumidor 4.0 cada vez mais preocupado com os impactos que seus produtos de consumo causam no meio ambiente, a busca por incorporadoras e construtoras preocupadas com a utilização renovável e consciente de recursos naturais é cada vez maior. 

 As casas sustentáveis, empreendimentos que optam por materiais de construção sustentáveis e construções preocupadas com seus impactos no solo e ambiente são as tendências do mercado imobiliário atual.  

Com isso, a ecologia se torna cada dia mais uma preocupação de incorporadores que buscam oferecer o que há de mais inovador no setor e precisam alinhar seus projetos a construções sustentáveis. É necessário que a indústria de construção se adapte às novas exigências dos consumidores, sendo a sustentabilidade é uma delas. 

Para aprimorar o conhecimento sobre como aplicar os materiais ecológicos no planejamento de empreendimentos, separei um material mais explicativo sobre o futuro das construções sustentáveis.

Com esse conceito sendo a maior tendência do mercado atual, investir em obras voltadas para a preservação da natureza são uma aposta assertiva para as empresas do setor imobiliário.  

Imagem do lançamento imobiliário na prática

Agora, que você já sabe como a ecologia pode, e deve, caminhar em conjunto com a construção de imóveis, irei apresentar os materiais ecológicos que poderão ser utilizados nos projetos da sua incorporadora.  

O que são ecoprodutos? 

Materiais Ecológicos: close nas mãos de uma pessoa segurando um papel azul amassado com alguns detalhes verdes em alusão ao planeta Terra.

Os ecoprodutos são artigos derivados de artesanato ou indústrias não poluentes, atóxicas e que beneficiem o meio ambiente através de uma produção sustentável.  

São considerados materiais ecológicos todos aqueles que utilizam matéria-prima reciclada, extraídas de maneira legal ou advindas de recursos renováveis. Devem apresentar também um processo de produção com baixo consumo de energia e água, e deve minimizar os impactos poluentes do ar e do solo, além de gerar o mínimo possível de resíduos que não podem ser reciclados

O material ecológico para construção deve apresentar uma logística de distribuição não poluente ou que consuma uma quantidade de energia excessiva. Para além disso, o produto não deve desperdiçar recursos e produzir grandes números de resíduos em sua instalação e manutenção. 

No mais, os ecoprodutos devem possibilitar a reciclagem e reutilização de embalagens e disponibilizar benefícios para a natureza e o desenvolvimento ativo da utilização de recursos sustentáveis. 

Por que utilizar esses materiais na construção civil? 

Utilizar recursos que não danificam o ecossistema trazem benefícios além da preservação do meio ambiente. Os materiais ecológicos podem melhorar a produtividade e aumentar, significativamente a qualidade do canteiro de obras e das construções civis.  

Como esses insumos podem ser reutilizados e dispõem de procedimentos de aplicação eficientes, os serviços no canteiro de obras são agilizados. Consequentemente, as obras são entregues em prazos mais curtos, com cronogramas assertivos e em um baixo custo para a construtora. 

Se o desempenho é otimizado, se gasta muito menos durante a execução do projeto e isso impacta positivamente o lucro do empreendimento. Isso também capta mais interessados pela compra desses imóveis, visto que entregarão agilidade e sustentabilidade.  

Há uma variedade imensa de materiais sustentáveis, e com a tecnologia, surgem novidades de soluções ecológicas a cada dia. Algumas já são bem conhecidas por arquitetos e engenheiros, sendo diversamente utilizadas em obras e atestando a eficácia dessas.  

Trarei abaixo uma lista com alguns dos ecoprodutos mais conhecidos e utilizados em projetos arquitetônicos sustentáveis

Lista de materiais ecológicos: 

  • Luminárias de LED 
  • Automatização de gestão da instalação elétrica 
  • Torneira com sensor de presença 
  • Válvula de fluxo duplo 
  • Ecomosaico 
  • Vidros
  • Película opaca  
  • Tecidos Greenscreen 
  • Forro e painéis de Ecoplaca 
  • Pisos recicláveis 
  • Tijolos de solo-cimento 
  • Placas de cortiça reciclada 
  • Telhas de fibra vegetal 
  • Resina ECOPISO 
  • Tinta natural 
  • Cola à base de água 
  • Eco-paint 
  • Madeiras Taxodium  

Bônus: Outros materiais 

Escoras metálicas 

O aço é 100% reciclável e é a matéria-prima das escoras metálicas. Isso significa que esse material pode ser reutilizado múltiplas vezes. 

As escoras metálicas são utilizadas para apoiar lajes, vigas e estruturas enquanto o empreendimento está em construção e não possui firmeza. Elas auxiliam a finalização da concretagem, principalmente em obras de edifícios.  

Esse material pode substituir a madeira e seus compostos, sendo muito menos agressivo em seu processo de extração e gerando um volume muito menor de resíduos após a finalização da obra. 

Isopet 

O isopet é um bloco de concreto feito a partir de EPS reciclado. É comumente utilizado em construções populares por ser menos custoso e conter uma eficiência termoacústica excelente em edificações.  

A matéria-prima desse é o isopor reciclado combinado com garrafas pet, que são recursos muito menos agressivos para o meio ambiente e pautados na reciclagem de materiais que iriam para o descarte. Combinados com areia, cimento e água, esses materiais transformam-se em um bloco que poderá substituir os tijolos de cerâmica comuns. 

O isopet é uma forma de diminuir a demanda de extração de recursos naturais e reciclar resíduos, sendo assim, um material barato e ecologicamente consciente. 

EXTRA: o que todos querem saber sobre o tema

O que é material sustentável? 

São os materiais que causam menos impactos no meio ambiente, na saúde dos que as manuseiam e nos trabalhadores que as produzem. Os insumos podem ser fabricados artesanalmente ou industrialmente, desde que não poluam ou possuam matérias tóxicas em sua composição. 

O que são materiais ecológicos? 

Esses materiais devem conter matérias-primas renováveis, recicláveis, biodegradáveis ou suscetíveis de mutações em carbono. A coleta, extração e fabricação dos insumos deve ser feita sem poluir o ambiente e o cultivo deles deve ser orgânico, sustentável e livre de toxinas.  

O que é ecologia? 

É baseada na biologia. Considerada uma ciência que estuda as relações entre o meio ambiente e todos os seres vivos que habitam um ecossistema.

Gostou desse artigo? Você conhecerá mais sobre sustentabilidade em:

Você já conhece o CV CRM?

Este conteúdo gratuito é oferecido para você pelo CV CRM, o único CRM 5.0 do mercado imobiliário e o maior do Brasil. O CV é a plataforma que gerencia sua jornada comercial da pré-venda à pós-venda, transformando digitalmente as incorporadoras nacionais. Com 11 anos de experiência, mais de 850 incorporadoras clientes e 170 mil corretores de imóveis associados, o CV é líder de mercado e te entrega um panorama total da sua gestão comercial na tela do computador.  

Saiba mais sobre o CRM oficial de 30 das 100 maiores construtoras do país: solicite uma demonstração.

Você também vai gostar de:

Olá, cliente!

Gostou do CV e quer descobrir mais sobre nossas possibilidades? Entre em contato com a gente via Chat ou WhatsApp e saiba como podemos te ajudar!

WhatsApp

Entre em contato pelo WhatsApp CV!

Chat Online

Entre em contato pelo Chat Online CV!

Voltar

Solicite Demonstração