Corretor de imóveis: como começar a profissão com o pé direito?

Corretor de imóveis - como iniciar a profissão (capa): corretora de imóveis sorri

Ser um bom corretor de imóveis exige estudo e prática. Afinal, é uma profissão multidisciplinar que envolve diversas áreas. Por isso, para atuar como corretor, você precisa saber lidar com pessoas, ter conhecimento sobre o setor da construção civil e entender tendências e processos de compra.

Embora se destacar no setor exija muito, não é difícil entender o universo da corretagem. Com força de vontade e muito estudo, você pode se tornar o melhor da sua área.

Afim de te ajudar nessa jornada pela corretagem de imóveis, criamos um material exclusivo com tudo o que você precisa saber para começar a profissão. Está preparado para se tornar um profissional mais capacitado, intuitivo e atento às tendências? Então vem com a gente!

Como se tornar um corretor de imóveis

Corretor de imóveis - como iniciar a profissão: corretora entrega chaves de imóvel

Antes de aprendermos os principais atributos de um profissional de corretagem, é importante descobrirmos como, afinal de contas, você pode se tornar um. Assim sendo, vamos viajar pelos diferentes passos que, juntos, compõem um Corretor de Imóveis.

Mesmo que você ainda não tenha iniciado sua carreira, não tenha medo de colocar em prática as dicas que traremos agora. Sem dúvida, existe um espaço perfeito para você dentro da corretagem, tudo o que falta é começar a caminhar em busca dele.

Vamos juntos? Fique atento e descubra agora os primeiros passos para se tornar um corretor de imóveis:

Consiga um diploma na área  

O primeiro passo de muitas carreiras é a formação, e com os corretores de imóveis não seria diferente. Por isso, vamos falar agora sobre as três diferentes formas de conseguir um certificado na área imobiliária e dar início a sua carreira de corretor de imóveis.

A fim de entrar na corretagem, suas opções de formação são as seguintes:

Curso técnico de Transações Imobiliárias: Esse é um curso de nível médio na área de Gestão e Negócios, portanto tem duração de aproximadamente um ano. Nele, você aprende a se inserir nos processos de compra, locação e venda de imóveis. Ademais, você pode aprender sobre a legislação do setor e os diferentes tipos de documentação necessária em cada transação.

Curso tecnológico de Gestão Imobiliária: Mais longo que um curso técnico, o curso tecnológico é de nível superior e tem duração entre dois e três anos, funcionando como uma espécie de graduação reduzida. Além de preparar os alunos nos níveis do curso técnico, esse tipo de formação vai um pouco além e ensina a avaliar o mercado imobiliário de forma mais profissional e especializada.

Curso de bacharelado em Ciências Imobiliárias: Apesar de ser o curso mais completo, atualmente, o curso de nível bacharelado em Ciências Imobiliárias só é ofertado por uma universidade no país: a UFMA (Universidade Federal do Maranhão). Nele, os aprendizados são muito mais aprofundados e o estudo é multidisciplinar, envolvendo áreas como Ciências Sociais e Ciências Humanas.

Ou seja: se você sonha em abrir sua própria imobiliária sendo corretor, o terceiro curso é o mais adequado para você. Contudo, se deseja atuar na profissão como autônomo ou vinculado a uma empresa, as três opções podem ser consideradas.

Faça seu registro no Conselho Regional de Corretores (CRECI)

Corretor de imóveis - como iniciar a profissão (4)

Uma vez que você tenha feito seu curso preparatório, está na hora de conseguir um registro oficial para atuar na profissão. O órgão regulamentador responsável pela emissão desse documento é o Conselho Regional de Corretores (CRECI), presente em todos os estados do Brasil.

Com o fim de se cadastrar, você deve ir a uma sede do CRECI na sua região e fazer o Pedido de Inscrição de Pessoa Física. Tendo os documentos exigidos pelo CRECI do seu estado em mãos, você consegue iniciar o processo de emissão do seu registro de Corretor de Imóveis.

O documento costuma levar entre um e dois meses para ser emitido. Agora, você está um passo à frente para se tornar um corretor de sucesso. Mas tenha calma porque os esforços não param por aí! Vamos entender, agora, quais são os atributos de um bom corretor de imóveis.

Os atributos de um bom corretor de imóveis 

Desde que tenha o seu certificado em mãos, é hora de descobrir o que você pode fazer para se diferenciar dos corretores concorrentes. Acredite, muitas são as formas de provar o seu valor e se destacar no mercado, independente do seu nicho de atuação.

Como resultado, você assegura uma boa noção sobre o universo da corretagem e garante mais profissionalismo para seus processos internos.

Então, quer descobrir como se tornar um corretor de imóveis melhor e mais profissional? Acompanhe!

Entender bem o cenário  

Com seu registro profissional em mãos, você está pronto para atuar!

Uma das coisas mais importantes para a corretagem de imóveis é entender o cenário. Quais são as formas de atuar? Quais são as principais tendências da profissão?

Existem duas principais formas de atuar como corretor de imóveis, cada uma com seus benefícios e desafios.

Não apenas você pode optar por prestar serviços para uma imobiliária, como também pode se identificar mais com o trabalho autônomo. De qualquer forma, para escolher bem, o ideal é que você conheça as características de cada uma delas, e é sobre isso que falaremos a seguir.

Trabalhar para uma imobiliária é um grande passo na carreira de um corretor de imóveis. Assim como em qualquer empresa, disciplina e comprometimento são duas das suas maiores exigências.

Dentro de uma construtora ou imobiliária, o corretor precisa cumprir as metas propostas para a equipe. Além disso, os empreendimentos com os quais ele vai trabalhar são previamente escolhidos pela empresa.

Por outro lado, ao optar por se tornar um profissional autônomo, o corretor deve ter em mente que, agora, todas as funções das quais está encarregado são sua responsabilidade de cumprimento. Sendo assim, a flexibilidade de horários no trabalho autônomo não pode ser confundida com acomodação; por isso, é preciso ser disciplinado e estipular horários para realizar cada tarefa.

Compreender o mercado  

O mercado imobiliário pode ser reconhecido por sua estabilidade, mas isso não significa que você não deve estar atento. É importante, sempre que possível, atualizar seus conhecimentos sobre o setor e entender quais são as novas tendências.

Atualmente, o setor da construção civil se mostra bastante promissor (ABRAINC), tendo apresentado um bom crescimento em 2021. Desde então, novos modismos têm ganhado espaço na área, sendo muito levados em consideração no momento da compra.

Exemplos claros disso são a atual descentralização de moradias, busca por novos formatos de arquitetura e aumento da procura por locais com muitas opções de lazer. Hoje, novidades ganham espaço com muita rapidez dentro do setor imobiliário.

O mercado cria tendências com base no que o consumidor pede, e é necessário estar antenado naquilo que há de mais novo. Para isso, é importante que você acompanhe canais de notícias do setor, newsletters, blogs e sites do universo da construção.

No fim das contas, conhecimento nunca é demais!

Estudar bastante o cliente

Corretor de imóveis - casal sorri para corretor

Por último, mas certamente não menos importante, está o entendimento do cliente. É ele, afinal, quem dita as regras do jogo na hora da compra.

Assim como o próprio mercado, o consumidor muda bastante em sua forma de agir, tomar decisões e fazer escolhas. Antes visto como mais passivo e influenciável, o cliente de hoje em dia busca estar por dentro da venda. Por isso, para ser um bom corretor, você precisa entender seu comportamento e agir de acordo com ele.

Para isso, entenda coisas como: o que ele faz no tempo livre? Como ele gosta de conduzir sua compra? Quais são as demandas que você precisa atender para satisfazer o novo consumidor?

Essas são perguntas que devem ser respondidas ao analisá-lo.

Você pode criar formulários e entrevistas com sua base de clientes. Além disso, pode também bater um papo com os clientes da concorrência e redescobrir possibilidades de ação. Faça questão de entender as características em comum das pessoas e categorizá-las com clareza.

Em seguida, é o momento de criar sua persona. Personagem criado para humanizar o público-alvo, a persona deve ser criada com nome, idade, constituição familiar e tudo o que você consiga catalogar por meio da sua pesquisa de público.

Conclusão 

No artigo de hoje, você pôde aprender mais sobre o passo a passo da corretagem de imóveis. Desde o processo de formação acadêmica até os principais diferenciais, você agora tem conhecimento sobre todo o universo inicial de um corretor de imóveis profissional.

E aí, de que mais você precisa para seguir seu sonho e embarcar nessa nova aventura? A corretagem é uma experiência única, moderna e cheia de contato humano. Por esse e outros motivos, ela é tão interessante e especial.

Este conteúdo é oferecido para você pelo Construtor de Vendas, o CRM mais completo do mercado imobiliário. Contando com as soluções de prospecção, venda, relacionamento, gerenciamento e integração, o CV te permite ter um panorama total da sua empresa na tela do computador.

Da prospecção de leads ao pós-venda, você garante otimização e agilidade na gestão de vendas de sua equipe. Quer conhecer mais? Acesse o site do CV!

Para saber sobre o mercado imobiliário, gestão de vendas e outros assuntos atuais, acompanhe o blog e nos siga no Instagram.

Está achando que acabou? Não mesmo! Acompanhe outros posts do Blog do CV!

Você também vai gostar de:

Olá, cliente!

Gostou do CV e quer descobrir mais sobre nossas possibilidades? Entre em contato com a gente via Chat ou WhatsApp e saiba como podemos te ajudar!

WhatsApp

Entre em contato pelo WhatsApp CV!

Chat Online

Entre em contato pelo Chat Online CV!

Voltar

Solicite Demonstração