Faça uma gestão baseada na cultura digital e transforme sua incorporadora 

Cultura digital é um conceito que descreve como a tecnologia e a internet estão moldando a maneira como interagimos como humanos. É a maneira como nos comportamos, pensamos e nos comunicamos dentro da sociedade.  

Cultura digital é o produto da infinita tecnologia persuasiva ao nosso redor e o resultado da inovação tecnológica disruptiva que nos cerca. É aplicável a vários tópicos, mas se resume a um tema abrangente: a relação entre humanos e tecnologia. 

Dito isto, o Blog do CV vai mostrar a importância de um olhar atento para a cultura digital na busca do sucesso da sua organização no mercado imobiliário.  

Leia também sobre transformação digital no mercado imobiliário 

Por que abraçar a cultura digital é tão importante? 

Existem várias razões pelas quais a cultura digital deve ser importante para sua organização, mas centralmente é porque ela suporta a transformação digital. Consequentemente, ela impacta a cultura corporativa tanto quanto os modelos de negócios. Mas por quê? 

  • Quebra a hierarquia e acelera o trabalho – É crucial permitir que os funcionários façam seus próprios julgamentos e quebrar as hierarquias capacita as pessoas a tomar decisões mais rápidas. 
  • Incentiva a inovação – A cultura digital permite que as organizações promovam um local de trabalho que motive os funcionários a experimentar coisas novas, ao mesmo tempo em que aprimora o aprendizado de sua força de trabalho. 
  • Atrai talentos da nova era e retém a força de trabalho atual – Millennials e GenZs não querem mais trabalhar em um ambiente em horário comercial, eles querem fazer parte de uma cultura digital que permita um local de trabalho colaborativo e autônomo, o que aumenta o envolvimento dos funcionários, permitindo que eles tragam suas vozes e opiniões para ajudar a criar impacto. 

Por que as tecnologias digitais estão na cultura digital? 

A criação de tecnologias digitais começou em meados do século XX, baseada em dois processos principais: 

Informação digitalizada – este é o código gravado das combinações dos dígitos 0 e 1, mais conhecidos como ‘bits’, que representam palavras e imagens.  

A tecnologia digital ajudou uma grande quantidade de informação a ser compactada em pequenos dispositivos de armazenamento que podem ser transportados. A digitalização também melhorou a velocidade de transmissão e, finalmente, transformou a maneira como as pessoas se comunicam, trabalham e aprendem. 

Telecomunicações – também entendida como a troca de informações a distâncias significativas por meios eletrônicos.  

As tecnologias digitais substituíram muitos dos sinais analógicos neste espaço. Isso significa que muitos sinais digitalizados são menos distorcidos e agora podem ser facilmente duplicados. 

Saiba mais sobre o que é o processo digital.

Quais são os benefícios da tecnologia digital no mercado imobiliário? 

cultura digital: close na mão de uma mulher segurando uma chave.

Conectividade social  

A tecnologia digital simplificou a socialização, permitindo que todos nos comuniquemos com familiares, amigos e colegas de trabalho com facilidade. Com o surgimento de aplicativos e sites de redes sociais, a tecnologia digital tornou possível a comunicação por meio de palavras (mensagens de texto), vídeo (videochamadas, conferências virtuais, eventos virtuais) e troca de mídia (fotos, vídeos). 

Somado a isso, ela também nos conectou aos nossos clientes. Hoje é possível fazer um lançamento de um imóvel de maneira 100% digitalizada ou, simplesmente, proporcionar ao cliente um tour virtual pelo empreendimento.  

Sem esquecer dos atendimentos através de canais como Instagram, WhatsApp e via chatbot nos sites das empresas do ramo imobiliário.  

Velocidade de comunicação   

Desde que foi inventada, a velocidade da internet está melhorando constantemente. Atualmente, conseguimos transferir toneladas de informações instantaneamente, enquanto acessamos dados praticamente em qualquer lugar do mundo. 

Oportunidades de aprendizado  

Através da internet, todos nós podemos ter acesso a resmas de informações e dados em segundos apenas pesquisando online. Longe vão os dias em que tínhamos que gastar muito tempo pesquisando fisicamente dados em livros ou bibliotecas. As informações estão agora ao nosso alcance.  

A tecnologia digital tornou possível que qualquer pessoa tenha acesso instantâneo a cursos online, treinamentos, livros, periódicos, publicações e outros conjuntos de informações. O valor é óbvio. 

E lembre-se, o seu cliente também tem acesso facilitado à muita informação. Se um corretor de imóveis não estiver alinhado com o conteúdo necessário para finalizar uma venda, ele pode perder para a concorrência. E convenhamos que um bom atendimento feito com embasamento é afrodisíaco para qualquer cliente.  

Automação 

Além disso, as tecnologias digitais também estão contribuindo para a automação de processos e máquinas em todos os setores. No mercado imobiliário não é diferente. Gestão de relacionamento com o cliente, por exemplo já é feita de forma totalmente digitalizada através do CV CRM.  

Isso nos dá mais tempo para focar em outras áreas problemáticas, mas também garante padrões de segurança mais altos, protegendo-nos de riscos maiores.  

Infográfico sobre experiencia do cliente

Além disso, reduziu os custos de certas tarefas, permitindo que todos economizemos dinheiro por meio do acesso direto a alguns serviços como assinatura eletrônica, emissão de boletos, agendamento de vistoria de imóveis, acompanhamento do andamento da obra, entre outros.  

O que significa mídia digital? 

close numa mesa com alguns dispositivos digitais e uma pessoa manuseando. Em destaque ícones que representam conectividade.

Mídia digital refere-se à tecnologia ou ao conteúdo que é consumido ou criptografado por meio de uma plataforma legível por máquina. O mundo em que vivemos hoje está cercado por produtos de mídia digital que possibilitam e proporcionam experiências em diversos setores.  

Isso é verdade mesmo nos setores que normalmente não estão associados a eles, como saúde, construção civil e educação. Esse conteúdo pode ser encontrado em e-Commerce, sites, mídias sociais, vídeos e muito mais. 

Para algumas organizações, trata-se de tecnologia, para outras, trata-se de novas maneiras de se envolver com os clientes ou pode ser uma maneira totalmente nova de fazer negócios. Para isso, é importante que os líderes empresariais tenham uma compreensão clara do que o digital significa para eles e seus negócios. 

Isso nos traz de volta ao tema abrangente da cultura digital e como ela é moldada pelo surgimento das tecnologias digitais e dos processos técnicos nelas contidos. A maioria das empresas hoje passou por alguma forma de transformação digital, seja digitalizando seus dados ou usando tecnologia para melhorar processos. 

Isso exige que uma cultura digital seja incorporada aos alicerces da empresa. A ausência disso pode adicionar atrito às estratégias que exigem adaptabilidade e cooperação, mas se você tiver uma cultura digital forte, isso pode ajudar as empresas a acelerar a mudança e se encontrar à frente de seus concorrentes. 

O que exatamente é uma experiência digital no contexto de um negócio digital? 

É a parte da tecnologia que permite às empresas ir além de apenas digitalizar seu processo de papel para criar serviços que são possíveis através da internet e outras tecnologias. Em outras palavras, a tecnologia por si só não torna algo uma experiência digital, mas sim os processos que não podem ser alcançados fisicamente.  

Por exemplo, se você tivesse um documento escrito e um documento digitalizado, isso não melhoraria necessariamente a experiência digital, pois eles fazem a mesma coisa. No entanto, se você tiver um documento PDF aprimorado para permitir revisões e edições on-line ou assinatura eletrônica, isso pode ser chamado de experiência digital. 

Antigamente, era necessário todo um deslocamento físico para ir até uma imobiliária para assinar contratos e entregar documentos na compra de um imóvel. Hoje já é possível enviar tudo digitalmente e assinar o contrato eletronicamente. A experiência saiu do físico e passou para o digital.  

Assim, quando as empresas procuram melhorar a experiência digital do cliente, muitas vezes enfrentam preocupações com a melhoria da interface do usuário, a capacidade de resposta móvel, os métodos de comunicação e a garantia de entrega em tempo real em todos os pontos de contato. 

Mídias sociais e capital social 

Muitas pesquisas foram conduzidas sobre os efeitos do capital social e como ele pode impactar as mídias sociais. Por exemplo, isso inclui as informações e o apoio emocional que as pessoas podem obter de sua rede social. 

Como exemplo, vamos falar sobre os benefícios que as pessoas podem obter de suas redes sociais. Seus laços fortes fornecem apoio emocional, mas essas suposições são desafiadas quando os indivíduos têm redes maiores e mais heterogêneas e podem se comunicar de maneiras variadas devido à quantidade do seu público. 

Quais são os benefícios que as pessoas buscam e recebem de suas redes sociais? 

Quando os consumidores acessam informações de grupos em sites de redes sociais, eles desenvolvem capital social criando vínculos e forjando relacionamentos dentro desses grupos. Como tal, as vantagens de entender e alavancar suas redes de mídia social são óbvias. 

Com isso em mente, é importante entender e abordar os seguintes pontos: 

  • Utilidade por acumulação 
  • Desigualdade de distribuição 
  • Confiança 
  • Medindo o capital social 

Utilidade por acumulação – Uma maneira de olhar para o capital social é compará-lo ao capital econômico. Quanto mais você acumula, mais fácil se torna afetar seu ambiente. Portanto, quanto mais seguidores, interações e engajamento sua marca recebe nas postagens, mais peso e influência ela detém. É ótimo, mas exige mais atenção e cuidado.  

Desigualdade de distribuição – Quanto capital social uma marca tem normalmente depende de como uma marca se envolve com seu público-alvo. Isso pode indicar o quão bem eles conhecem suas plataformas sociais. É importante não concentrar o público em apenas uma rede.  

Confiança – O marketing de mídia social é baseado no desenvolvimento da confiança e o capital social é essencialmente um estoque da confiança do seu público em sua marca. Você pode construir isso de muitas maneiras diferentes, mas normalmente isso é alcançado sendo autêntico e aberto sobre os valores da sua empresa e fornecendo qualidade consistente com seus serviços e produtos. Da mesma forma, quando as pessoas ficam desapontadas, as marcas podem manter a confiança sendo honestas e abertas sobre os erros. 

Medindo o capital social – Você deve medir seu capital social, pois isso lhe dará uma visão única sobre suas personas de compradores, comportamentos e também seus KPIs. Mas como você mede seu capital social?  

Mais comumente, você pode fazer isso analisando o sentimento e a influência online da sua marca. Isso pode ser realizado usando métricas de sentimento ou influência. Métricas como essa mostrarão com que facilidade sua marca é capaz de compartilhar conhecimento e reter clientes nas redes sociais. 

O objetivo com toda a sua atividade de mídia social deve ser acumular mais capital social, mas que esse acúmulo seja do público correto.  

Criando uma cultura digital em sua incorporadora 

cultura digital: imagem de um notebook ao lado de um copo com água

Para administrar uma organização de sucesso, você precisa administrar um negócio digital. O digital está revolucionando a maneira como as empresas operam e são bem-sucedidas no mercado imobiliário.  

Por exemplo, foi relatado que um terço dos principais tomadores de decisão acredita que a cultura é a barreira mais significativa para a eficácia digital, seguida pela falta de compreensão das tendências digitais. 

À medida que continuamos a digitalizar nossas organizações, é importante definir e estabelecer uma cultura digital. 

Em um mercado tão competitivo como o mercado imobiliário, é cada vez mais importante criar uma cultura digital nas incorporadoras, construtoras, loteadoras e imobiliárias. Para ajudar a instituir uma, você precisa garantir que seus funcionários estejam informados, engajados e capacitados para ajudar a cultivar uma mentalidade digital. Mas como isso é melhor alcançado? 

  • Abraçando a transparência 
  • Incentivando a colaboração 
  • Oferecendo treinamento digital 
  • Estando confortável com o risco 
  • Aspirar para inspirar 

Abraçando a transparência  

É importante que todos na empresa estejam cientes do impacto que o digital pode ter na receita, nas vendas e na produtividade. O ponto de partida para a construção de uma cultura digital está na transparência. Isso é melhor alcançado por meio de seus grupos de mídia social, fóruns e blogs, pois todos eles oferecem maneiras de os funcionários se comunicarem entre si e com os clientes para facilitar a transparência. 

Incentivando a colaboração  

Quando os funcionários gostam de trabalhar juntos, melhora o fluxo de trabalho. As ideias tornam-se mais coesas e o progresso da sua incorporadora pode ser medido. Não é mais possível que as equipes trabalhem isoladas, em vez disso, precisamos compartilhar aprendizados e insights entre os departamentos. Isso permitirá uma cultura digital produtiva e eficaz e, portanto, é importante que esse tipo de colaboração seja incentivado. 

Oferecendo treinamento digital  

A maneira mais eficaz de saber que seus funcionários têm todo o conhecimento digital de que precisam é por meio do treinamento digital. É essencial projetar um programa flexível que funcione para sua força de trabalho ocupada, seja por meio de várias sessões de treinamento ou em uma plataforma online. 

Estando confortável com o risco 

Devido ao ritmo acelerado do digital, é fundamental que sejamos ágeis. O risco alimenta isso, pois os líderes nas organizações devem cultivar um local de trabalho onde os funcionários se sintam à vontade para experimentar coisas novas. A chave para que os funcionários entendam o risco é que há confiança entre funcionário e empregador e uma cultura aberta que abraça a inovação. 

Aspirar para inspirar  

O digital é a chave para um mundo de oportunidades, mas muitas empresas não capitalizam seu potencial. Com a disrupção digital aqui para ficar, continuarão a haver novas entradas no mercado que desafiarão a forma como as coisas são feitas. Ao definir aspirações claras e entregar grandes ideias para sua empresa, você incentivará sua força de trabalho e os inspirará não apenas a assumir riscos, mas a ver as coisas de uma nova maneira. 

Conclusão 

O digital afeta todas as facetas da sua organização, ajudando a tornar possível a agilidade, a colaboração e a melhoria contínua. A revolução digital mudou fundamentalmente a maneira como fazemos negócios e a maneira como nossas organizações operam. Quando as necessidades dos funcionários estão mudando e o talento e as tecnologias digitais estão em demanda crescente, nossas responsabilidades são claras. 

Este artigo descreveu como a digitalização requer uma mudança fundamental na maneira como fazemos negócios e como devemos operar como empresa. 

Existem quatro aspectos fundamentais para garantir o sucesso da sua empresa no mercado imobiliário quando o assunto é transformação digital. São eles: liderança, talento, cultura e gestão da mudança. 

O que é cultura digital? 

Cultura digital é um conceito que descreve como a tecnologia e a internet estão moldando a maneira como interagimos como humanos.

Qual a importância da cultura digital? 

Porque ela suporta a transformação digital e, consequentemente, impacta a cultura corporativa tanto quanto os modelos de negócios.

Para que serve a cultura digital? 

Para que o seu negócio seja administrado corretamente no mundo digital e acompanhe a transformação digital pelo qual o mercado está passando.  

Você já conhece o CV?    

Este conteúdo gratuito é oferecido para você pelo CV CRM, o único CRM 5.0 do mercado imobiliário da venda ao pós-venda. Com uma década de experiência, mais de 500 incorporadoras clientes e 100 mil corretores de imóveis associados, o CV é líder de mercado e te entrega um panorama total da sua gestão comercial na tela do computador.     

Da prospecção de leads à prestação de assistência técnica, você garante otimização e agilidade em todos os seus processos internos, da pré à pós-venda. Acesse o site do CV e saiba mais!      

Para conhecer mais sobre mercado imobiliário, corretagem de imóveis e outros assuntos atuais, acompanhe o Blog do CV e nos siga no Instagram.  

Você também vai gostar de:

Olá, cliente!

Gostou do CV e quer descobrir mais sobre nossas possibilidades? Entre em contato com a gente via Chat ou WhatsApp e saiba como podemos te ajudar!

WhatsApp

Entre em contato pelo WhatsApp CV!

Chat Online

Entre em contato pelo Chat Online CV!

Voltar

Solicite Demonstração